Menu
Gravidez / Pretensões e Desabafos / Terapia

32 semanas e será que eu não aprendo?

Uma vez um médico, que eu acho que não batia muito bem da cabeça,  me disse que eu não tinha um sistema nervoso, eu tinha um sistema puto da vida. Era o auge do meu estresse.

Desde então passei por altos e baixos, levando as coisas do meu jeito, mas nunca aderi nem aos livros de auto-ajuda, nem a yoga ou qualquer outra técnica de relaxamento. Mentira, tentei massagem, mas ao invés de relaxar ficava lá pensando nas mil coisas a fazer e em que perda de tempo aquilo tudo era. Banho de banheira? Também tentei: água morna, sais de banho, luz de velas, taça de vinho, mas ao invés de relaxar eu levava para o banheiro mil opções de livros, de revistas, listas de música no iPod, demorava mais de uma hora preparando todo o ritual e passava 5 minutos na banheira. Mas o pior de tudo foram os CDs de relaxamento. Nada, absolutamente nada tem o poder de me irritar mais do que aquele som de água correndo, de floresta, e coisas afins. Nem música clássica que eu gosto serve a esse propósito. Ouvir por ouvir, sem fazer mais nada, ou melhor sem pensar em mais nada? Não consigo.

Então quando no final da minha primeira sessão com a terpeuta nova ela sugeriu que eu tentasse um exercício de respiração e relaxamento com ela eu pensei logo que não ia dar em nada. Mas para não ser grosseira, e para não dizer que estou jogando €80 no lixo, lá fomos nós. Durante 5 minutos mantive meus olhos fechados enquanto ela me dava instruções sobre como prestar atenção somente na minha respiração. Achei que os 5 minutos pareceriam 50. E não é que paguei minha lingua de novo?

Quando ela me pediu que eu abrisse os olhos eu percebi que estava mais relaxada, por mais que eu não quisesse admitir. Saí de lá com a promessa, a mim mesma claro, de que tentaria o exercício diariamente por pelo menos 5 minutos. Acredite ou não, assim eu fiz. Duas semanas depois já estava me achando outra pessoa e achei que finalmente tinha aprendido alguma coisa útil para combater meu estresse.

Até que hoje, bom hoje dizer que eu estou de mau-humor é ser otimista. Acordei fisicamente cansada e ao passar o dia, claro, só piorei. Cansaço físico comigo se transforma em cansaço mental facilmente. Tudo no trabalho hoje me irritou profundamente. No meu horário de almoço ao invés de relaxar fui passar mais nervoso no mercado (ou não tomaria café da manhã amanhã). Mesmo com uma sacola só (e mais toda a tralha que a sacoleira aqui carrega diariamente) ao final do dia não resisti à tentação e peguei um táxi do trabalho para casa.

Ao chegar, como tem acontecido essa semana toda em que I. está inválido (muletas e pé para o alto devido ao tornozelo arrebentado), tinha tudo para fazer: cama desfeita, bagunça em tudo o que é canto, louça na pia, roupa para ser guardada, nada pronto para o jantar. Isso quando tudo o que eu queria era um banho,  minha cama e um livro.

Aí que  não teve respiração que desse jeito. Já tentei duas vezes. Já tentei massagem no pé. Já tentei ler. E agora mesmo na cama, com a casa todinha em ordem, simplesmente não consigo relaxar.

Só consigo chorar e não consigo explicar o porquê.

N.

About Author

39 anos; brasileira que mora na Irlanda; mãe de um filhote de irlandês do cabelo vermelho e muito fogo na bunda, de uma pimentinha de olhos grandes e curiosos e de uma caçulinha que é só sorrisos.

10 Comments

  • Ursula
    February 23, 2011 at 10:34 pm

    Será q fomos separadas ao nascer? Será q qd fui trocada na maternidade, éramos da mesma mãe? My God…me vejo nas suas descrições! Relaxa! Com o tempo, a gente aprende!!!

    Reply
    • nivea
      February 27, 2011 at 2:05 pm

      Será, será? 🙂
      x

      Reply
  • Ingrid
    February 23, 2011 at 10:36 pm

    Querida, vc esta na reta final se vc tinha um sistema puto da vida, provavelmente agora tem um sistema suuuuuuuper puto da vida, faz parte, umas comem, outras dormem, outras surtam, outras choram e outras fazem tudo isso junto, foi o meu caso, afinal eu fui pro Brasil com 31 semanas e o namorido chegou la qdo eu ja estava com 38, nao teve um dia que eu nao chorei, que eu nao quis SOCAR a minha mae ou a empregada, acho que nesses dias a unica que eu tive e amei ter por perto foi minha tia, minha mae dois!
    O corpo inteiro doia, pescoco travava e barulho da capital paulistana so me fazia sofrer ainda mais, ai era a hora que eu deitava na minha cama, colocava as duas maos no barrigao e enorme e contava uma historia qualquer pro meu pokemon que crescia na pokbola, contava algo sobre minha infancia, contava uma das minhas viagens, contava sobre o pai dele e principalmente, contava que a mamae era uma pessoa naturalmente suuuuurtada, que nada daquilo era com ele e que ele era a pessoa que eu mais amava na minha vida!

    Nivea, acredite, ao contrario do que me diziam (sim, pq nego vinha me dizer que o menino ia nascer nervoso, irritado blablabla), meu filho tem a maior paciencia do mundo, ele chora, chora sim, berra alto qdo quer algo ou qdo ta incomodado (exatamente como a mae), mas basta um abraco, um beijo e a minha voz dizendo que ele eh o amor da minha vida que ele fica calmo e me olha sorrindo!

    Querida, dias melhores virao, deita na cama, coloca as maos no barrigao e conversa com esse pequenino ai que ele eh todo seu e aproveita enquanto ele te escuta pq diiiiiiizem que depois uns anos nos maes seremos friamente ignoradas.

    Um beijo e boa noite!

    PS: Nada me irrita mais doque ficar atoa numa banheira ou parada em algum canto qualquer, fiz e faco yoga, eh legal, mas nada de meditar por horas e me desligar total!

    Reply
    • nivea
      February 27, 2011 at 2:07 pm

      Ingrid,
      Eu tinha essa preocupação também, do bebê nascer estressado assim como eu. O psiquiatra no entanto, antes mesmo de eu perguntar, deixou claro que uma coisa não tem absolutamente nada a ver com a outra.
      Um beijo,

      Reply
  • Cintia
    February 24, 2011 at 12:58 am

    Flor, teu pequeno ta se formando e se tornando o outro amor da tua vida, abre o sorriso. Vida eh estressante e pequenas coisas tambem me fazem ferver. Ai deito e penso que a vida esta quase para mudar 100%. E isso eh bom. Espero que tudo fique 100% proce tambem. Pensamentos positivos daqui. Beijao!

    Reply
    • nivea
      February 27, 2011 at 2:08 pm

      Obrigada,Cintia. Mando pensamentos positivos pra vc daqui tb.
      xxx

      Reply
  • Ana Pala - Journal de Béatrice
    February 24, 2011 at 8:30 am

    Nivea, Nivea, querida Nivea!
    Como esta hoje, melhor!!??
    Ahhh esses hormonios gravidicos…. E sobra pra quem? Por marido, logico! Mas calma, respira, com direito ao barulhinho da agua caindo sobre bambus, se dê de presente esses momentos relax, pois depois que o bebê chegar, 10 minutos (so teu) de banho quentinho é uma benção, e olha que banho demorado esse!!
    Beijocas: )

    Reply
    • nivea
      February 27, 2011 at 2:09 pm

      Oi Ana,
      Muito obrigada pelo carinho.
      Um beijo,
      N.

      Reply
  • Daniela
    February 24, 2011 at 8:41 am

    como a pessoa disse ai em cima, se vc tinha um sistema puto, agora ta super puto. Esse final de gravidez nao é facil, tudo cansa mais, tudo irrita mais, tudo nos deixa mais apreensiva, é normal. Ta tudo dentro do esperado.

    Em breve estaras com a coisinha mais fofa do mundo te deixando de cabelo em pé e mesmo assim, amando-a.
    bjin

    Reply
    • nivea
      February 27, 2011 at 2:10 pm

      Dani,
      Ninguém tinha me falado que ia cansar desse jeito!
      Um beijo,

      Reply

Leave a Reply