Pretensões e Desabafos

Quando entrar setembro…

… ou quando setembro já estiver quase que no finalzinho.

***

O fato desse post estar na minha cabeça desde o final de agosto e só agora ter sido publicado diz muito sobre a minha vida nesse momento.

Por mais que eu ame esse blog a minha prioridade é sempre ser uma mãe presente e isso tem consumido praticamente todo meu tempo ultimamente (vou falar com mais calma sobre as mudanças na rotina aqui em casa em breve).

Nos últimos dias, no entanto, tenho notado que se me organizar melhor consigo um tempinho para voltar a me dedicar a esse que é de longe o meu hobby favorito.

Além disso, setembro é um mês muito especial para mim. Um mês de renovação, de recomeço. Praticamente um “janeiro” que dá início à contagem regressiva para o final de ano, minha época favorita. Não dava para deixar esse marco passar sem escrever.

Setembro marca, por exemplo, pelo menos aqui no hemisfério norte, o início do ano letivo. Ou seja, final das longas férias escolares de verão, hora de voltar à rotina de arrumar lancheira, acordar cedo, uma correria logo nas primeiras horas da manhã, lição de casa, vamos tirar uma foto na porta como todo ano, olha como ele cresceu, entra no carro gente, vamos nos atrasar, porra, estou atrasada.

Em setembro começa o outono… e gente, que coisa linda que é o outono. São tantos tons de laranja e marrom, os caminhos cheios de folhas, os casacos que começam a sair do armário, a lareira que começa a ser ligada novamente depois de tanto tempo. Novas temporadas de The X-Factor e The Great British Bake Off para as noites de preguiça e sofá.

Depois disso ainda as coisas só ficam melhores: o aniversário do Ian (hoje!), o meu aniversário (dia 8/10), o Halloween no final do mês, o aniversário da Lia que completa o primeiro ano de vida no dia 24/11, a chegada do inverno, o Natal…

Esse ano, para melhorar o que já é sempre muito bom, tem minha ida vapt-vupt ao Brasil com a Lia. A visita da minha mãe pela primeira vez na Irlanda e minha irmã que vem para completar a família para o que eu já sei vai ser o melhor Natal de todos os tempos.

Como não amar muito tudo isso?

N.

SaveSave

SaveSave

SaveSave

SaveSave

SaveSave

3 Comments

38 anos; brasileira que mora na Irlanda; mãe de um filhote de irlandês do cabelo vermelho e muito fogo na bunda, de uma pimentinha de olhos grandes e curiosos e de uma caçulinha que é só sorrisos.

Previous Post
September 25, 2017
Next Post
September 25, 2017

3 Comments

  • Leila Chacon

    Já com saudades dos seus posts!!! Parabéns ao Ian. E que venha este final de ano que vai ser glorioso!!!! Aguardo ansiosa mais posts. Bjs

  • Monica

    Que legal!!! Vc merece tudo jsso!!! Venho acompanhando sua jornada e torço por vc!! ❤❤❤❤

  • grace

    Sempre bom ler você!! Sua alegria me contagiou… estamos planejando mudança para Portugal ano que vem!! Imagina a minha ansiedade.
    Beijo para você e para as crianças.
    Grace

Leave a Reply

Related Posts