Pretensões e Desabafos

Ah, no meu tempo…

Eu fui criança já faz um bom tempo. A Xuxa só começava a fazer sucesso na Globo (eu ainda lembro do programa dela na TV Manchete, mas abafa o caso), o Ken da Barbie se chamava Bob, e eu tomava muita groselha comprada na feira – o que mostra não só a minha idade, mas o fato de eu ser pobre. Duas informações, aliás, que não me fazem favor nenhum.

Além do Balão Mágico, de tubaína e de Atari eu me lembro também de uma toalha de banho que vinha comprimida numa embalagem redonda e bem pequena que se expandia quando mergulhada na água. Alguém mais se lembra disso? Eu adorava a bendita da toalha, ou melhor, eu adorava ganhar aquele embrulhinho e ver no que ia dar. Mesmo sabendo que ia dar numa toalha. Queria muito saber como eles dobravam a toalha tão pequenininha para ficar redondinha daquele jeito. Era muita tecnologia para a minha cabeça.

Muitos anos se passaram, e não é que outro dia, na recém inaugurada loja da Disney em Dublin, eu vejo uma dessas toalhas num embrulhinho com o Buzz Lightyear? Como estava com a minha imã ela comprou para mim para o E. Porque E. adora Toy Story. Quer dizer, não adora ainda, mas vai adorar quando eu começar a passar para ele todos os dias para que eu possa ler em paz enquanto ele assiste TV.

antes
durante
depois

Para minha decepção, no entanto, a toalha era bem pititica e pouco me impressionou. Talvez porque eu não tenha mais 8 anos, ou porque no meu tempo a tecnologia era melhor.

Ah era…

N.

PS. ainda assim achei uso para a toalhinha, já que E. vive se babando. Essa ai vai para a bolsa de fraldas e assim que puder volto lá para comprar todas as outras que não tiverem a cara do Mickey ou da Minnie.

22 Comments

39 anos; brasileira que mora na Irlanda; mãe de um filhote de irlandês do cabelo vermelho e muito fogo na bunda, de uma pimentinha de olhos grandes e curiosos e de uma caçulinha que é só sorrisos.

Previous Post
August 10, 2011
Next Post
August 10, 2011

22 Comments

  • Celi

    Nivea juro que sou da sua época e lembro de tudo isso, agora menos dessa toalhinha…rs Que divertido! Nem imaginava que isso existia.
    Um beijo.

  • Ursula

    Ni, eu nunca tive essa toalhinha, mas sempre quis ter uma, mesmo q bem pequenininha. Amei esta q foi para a bolsa!

  • Neda

    Nívea, aqui em casa essas toalhas fazem o maior sucesso! São ótimas na hora do banho pra dar uma lavada mais caprichada. Quando o filhote dava trabalho pra tomar banho era a melhor carta na manga. Também fazem sucesso os bichos que crescem quando ficam de molho.
    Assim como você eu esperava que as toalhas eram maiores.
    Beijos

    • Nivea Sorensen

      Neda,
      Agora fiquei curiosa quanto os bichos que crescem. Será que eu acho por aqui?
      Beijos

  • Mi

    eu nunca tinha visto essas toalhinhas que expandiam….só vi aqui na alemanha, mas na minha infancia no Brasil, nao tinha nao! haha bjs!

  • Mari

    Cê jura? Achava que essas toalhinhas eram uma modernidade do final dos anos 90! Hahahaha… E eu também achava que o Bob era o namorado loiro e o Ken, o moreno.
    Vivendo e aprendendo…
    Um beijo!

    • Nivea Sorensen

      Ih Mari… Essa história do Bob e do Ken já deu o que falar, nem te conto.
      Beijos

  • Paula

    Eu tbm nao me lembrava dessas toalhinhas nao. E nem que a Barbie tinha outro namorado chamado Bob. Mas sabe que eu comecei assim viu Nivea com um pijama do toy story pq eu amo e pq sabia que algum dia ele ia gostar muito. E agora ja sei de cor todas as falas do filme hahaha. Beijos

  • CarlaFiore

    Hum…adorei o post e a toalhinha, mas juro que não me lembro dela. Ou eu sou bem mais jovem que a Nivea ou estou tão velha que esqueci. Acho que a segunda é mais provável.

  • mi

    Amiga vou fazer uma revelacao que vai mudar sua visa: o ken nunca chamou Bob… O ken era o namorado da barbie, e o Bob era o da susi, a barbie brasileira 🙂

  • mi

    Retificando minha propria informacao, o bob eh o amante brasileiro da barbie Hahaha

  • IngridSouza

    Nossa, meu pai é viciado em groselha, ele ainda fala GROSÉULA hahahaha, toma com até com leite, aqui na Hungria tem a versão Hungara que se chama PIROSKA hahahaha.

    Eu nunca tive dessas toalhinhas e só conheci quando tinha uns 15, 16 anos, acho bem legal, pretendo comprar pra levar pra criançada lá de casa.

    Minha infância foi longe de ser luxuosa, mas foi muito, muito feliz, tive tudo oque eu sempre quis e na real, acho que tive tudo porque eu nunca quis muito e sempre ficava contente com oque podia ter, outro dia até comentei isso com minha mãe, que nunca fomos pobres, também não eramos ricos, mas fato é que ninguém nunca esbanjou, presente grande era só de aniversário, dia das crianças (que era junto com o aniversario) e Natal, roupa, só mesmo quando precisava, na mesa nunca faltou comida boa, sucos, bolos e doces caseiros, mas bolacha recheada, refrigerante e salgadinhos era raro, nada disso nunca fez falta, eu até hoje mal dou bola pra essas coisas, já um pãozinho caseiro eu acho IRRESISTÍVEL! hahaha.

    Ahh que saudades da minha infancia!

    Beijocas

  • Daniela

    Quando a gente é criança tudo parece maior mesmo. 🙂

  • Nivea Sorensen

    Gente, como assim ninguém lembra? Sério? Vou já ligar para minha mãe e perguntar.

Leave a Reply

Related Posts