Menu
Meu babóg / Pretensões e Desabafos

Dá a chupeta. Dá a chupeta para o bebê não chorar.


Antes do E. nascer eu já sabia que ia oferecer a chupeta (depois que ele já estivesse acostumado a mamar no peito), e que iria deschupetá-lo aos 2 anos, para evitar problemas na dentição e na fala.

Sim, porque eu sou essa pessoa a frente do seu tempo, que programa o futuro, que planeja. Tudo. E tudo funciona sempre muito bem e direito na minha cabeça. Na minha cabeça todo mundo e todas as coisas agem conforme o planejado e no final dá tudo certo. Porque eu sou um sucesso! Ou melhor, seria se na maioria das vezes as pessoas envolvidas não tivessem outros planos e vontades em mente. Pois é, nem todo mundo segue o meu script.

Então, apesar de eu estar convencida de que chegou a hora de largar a chupeta, E. não dá nenhum sinal de que vai lidar bem com o processo. De uns mesese para cá, e só então, a chupeta deixou de ser companheira noturna para fazer parte do dia-a-dia. Ganhou nome, pepê, e todo amor que houver nessa vida.

Eu até tento esconder, tirar dele quando ele está distraído. Só que quando ele pede, sempre com voz chorosa, eu cedo. E ele tem pedido muito, a cada 5 minutos brincando ele para e procura pela chupeta, isso quando não vai na gaveta onde ele sabe que elas estão guardadas e pega a dita cuja.

E eu cedo. Eu, que sempre achei que não iria deixar de fazer o que é melhor para ele para fazer o que é mais fácil e mais cômodo para mim. Sim, eu faço porque é muito fácil ceder. Ele me olha feliz da vida, todo agradecido e eu não sou obrigada a ouvir choro, mimimi ao som de “my pepê, my pepê”.

Engraçado é que eu não cedo quando ele quer comer pão ao invés do almoço, ou quando recusa o brócolis (que eu preciso misturar na comida, é verdade), quando quer leite antes do jantar. Ele não tem escolha quanto a tomar banho ou não, quanto ao que vai vestir. E eu digo não. Quando não pode, é não, e não é não. Mas quando o assunto é a chupeta…

Sei bem o que precisa ser feito, preciso ir diminuindo o uso da chupeta durante o dia, até o ponto que ele use só para dormir. E aí começar, de novo lentamente, tirando a chupeta dele depois que ele adormecer, até que ele não precise mais.

E no meio de tudo isso tem o uso da mamadeira durante à noite que eu também estou tentando diminuir até acabar, o que não é fácil uma vez que ele acorda de hora em hora pedindo a mamadeira. Têm as noites que ainda estão bem dificeis por aqui. Tem o cansaço que me consome durante o dia. Tem a comodidade. Tem uma vontade grande de deixá-lo com a chupeta por mais um ano.

Só que ao mesmo tempo em que adio o deschupetamento, o que eu não consigo adiar é o fato de que está crescendo.

E isso eu só posso aceitar.

N.

PS. Hoje foi o primeiro dia em que eu não ofereci a pepê quando ele pediu. Ele chorou, eu conversei, ofereci outra coisa, distrai, ele chorou, pediu mais um pouco e levei ele para passear. Aposto que doeu mais em mim.

PS2: Está participando do sorteio do blog no Facebook? Para saber como clique aqui.

About Author

39 anos; brasileira que mora na Irlanda; mãe de um filhote de irlandês do cabelo vermelho e muito fogo na bunda, de uma pimentinha de olhos grandes e curiosos e de uma caçulinha que é só sorrisos.

27 Comments

  • Didi
    April 24, 2013 at 3:17 pm

    Que drama. Eu odeio e tenho nojo da chupeta, mas não tenho coragem ainda de tirar. Peço que tire para falar e tento tirar na hora que brincamos. Mas já sei que enfrentarei uma árdua luta.

    Boa sorte!

    Reply
    • Nivea Sorensen
      April 26, 2013 at 4:03 pm

      Didi, eu não tenho nojo, não. Mas queria começar a tirar o quanto antes.
      x

      Reply
  • Dani Rabelo
    April 24, 2013 at 5:12 pm

    Sei bem o que é isso… Laura não usa o dia inteiro, mas à noite é o tempo todo, mesmo que não esteja dormindo.
    Ela já está com 2 anos e 4 meses, cadê a coragem para tirar a chupeta?????
    Não sei.
    Achei mais fácil tirar a fralda! hahahahaha

    Beijos!

    Reply
    • Nivea Sorensen
      April 26, 2013 at 4:03 pm

      Dani, como eu sei que essas coisas a gente não mistura e ele ainda não está pronto para o desfralde começamos pela chupeta.
      x

      Reply
  • Luciana - Canada
    April 24, 2013 at 5:17 pm

    Substitui E. por S.
    Pepê por teté.
    E acrescenta ao todo amor que houver nesta vida, o amor que houver em outras vidas tb.
    Pois é, it’s my life…
    hehehehehhehe
    beijos!

    Reply
    • Nivea Sorensen
      April 26, 2013 at 4:04 pm

      Lu, o tetê é peito ou mamadeira?
      x

      Reply
      • Luciana - Canada
        April 26, 2013 at 4:36 pm

        Eh o nome da chupeta dela (nao me pergunte pq).

        Ela e meu peito nao se entenderam, ela optou pela mamadeira. Na verdade eu so tive leite no oitavo dia e ela era um bebe de 4,500kg que queria comer o mundo… bom, tentei de tudo, mas qdo cheguei o limite do stress larguei de mao e fomos felizes ate ela decidir nao mais querer a mamadeira. Agora ela so toma leite na creche, pq em casa ela so quer saber de iogurte.
        🙂

        Reply
  • ka smith
    April 25, 2013 at 9:18 am

    E o que eu faço com uma menina que as 4 ainda não aceita o fato de viver sem a chupeta?

    A pediatra disse que ela regrediu por causa da chegada da Mia, ou seja, com a chegada do novo bebê, pelos meus cálculos ela vai largar a chupeta com o quê? uns 6 anos?

    Eu digo não e deixo chorar, mas o pai acha que é pecado….pelo menos ela só usa para dormir mesmo…

    A gente esta indo viajar e eu vou dizer que esqueci a dita cuja em casa, vamos ver se cola…

    Um beijo

    Reply
    • Nivea Sorensen
      April 26, 2013 at 4:05 pm

      Ka, ou você tira agora ou vai ter que esperar mesmo, né? Não dá para obrigá-los a lidar com tanta coisa ao mesmo tempo. Será que não é mais fácil de explicar para ela e trocar por um presente? O Erik ainda é muito novo para isso, mas na idade da Chloe talvez ela goste da idéia.
      x

      Reply
  • Ma
    April 25, 2013 at 10:37 am

    A Julia chupou chupeta até os 3 anos, mas era só à noite para pegar no sono. Nessa idade ela já entendia melhor, conversava mais e combinei que a fada da chupeta viria buscar toda noite uma(ela tinha umas 10) e no final ela já seria uma menininha grande ( fiz tipo a fada dos dentes, sabe, colocava embaixo do travesseiro, de manhã tinha sumido). No final de uns 10 dias a fada deixou um presentinho pra ela de parabéns e ela ficou toda feliz. Funcionou muito bem. Mas eu se fosse você tentava só diminuir durante o dia, não tirar de todo mesmo, ainda mais com suas noites ainda mal dormidas. E olha, eu chupei chupeta até os 5 anos (abafa) e tenho dentes perfeitíssimos, nunca usei aparelho 🙂 Bjs

    Reply
    • Nivea Sorensen
      April 26, 2013 at 4:06 pm

      Ma, eu já vi outras pessoas fazendo assim, mas o Erik ainda é pequeno para entender.
      Eu chupei chupeta até os 5 também =)
      x

      Reply
  • Ma
    April 25, 2013 at 10:38 am

    Ah, não estou participando do sorteio porque não quero vincular minha conta pessoal do facebook com o blog. Bjs

    Reply
  • Liza
    April 25, 2013 at 11:28 am

    Eu não deu chupeta pro Conor só pra evitar a dor de cabeça de ter que tirá-la no futuro. Espero que ele não comece a chupar o dedo.

    Reply
  • Bia Werneck
    April 25, 2013 at 2:42 pm

    Graças ao bom Deus, o João nunca quis saber de chupeta e nem nada parecido, já que ele está com 1 ano e 7 meses acho que não corremos mais riscos. hehehe
    Então todo o meu temor está (será) reservado para o desafio do desfraldamento daqui há uns meses. Bjs.

    Reply
    • Nivea Sorensen
      April 26, 2013 at 4:07 pm

      Bia, até essa idade ele nem ligava para a chupeta, não. Mas se você nunca deu, melhor assim, eu acho.
      x

      Reply
  • Priscila Santos
    April 25, 2013 at 2:53 pm

    Ola Nivs!!!
    Passei por este mesmo drama no ano passado, mas qdo consegui tirar a chupeta finalmente a Mariana ja estva com 3 anos…… tentei algumas vezes antes mas sem sucesso!!!!!

    As primeiras noites confesso foram meio turbulentas, mas durante o dia era mais facil……….porem agora é so alegria!!!!!

    Boa sorte…………………..
    beijos

    Reply
    • Nivea Sorensen
      April 26, 2013 at 4:08 pm

      Que bom, Pri. De noite vai ser um drama enorme por aqui.
      x

      Reply
  • Juliana Valera
    April 25, 2013 at 6:45 pm

    Ai, menina, boa sorte. Gostei da história da fada das chupetas que a Ma falou ali em cima. Você poderia trocar a fada por um personagem que ele gosta. É só uma idéia, não tenho filhos ainda, então não sei como lidar com essas questões, mas espero saber um dia!
    Vou lá ver o sorteio…
    Beijos!

    Reply
    • Nivea Sorensen
      April 26, 2013 at 4:08 pm

      Juliana, o Erik ainda não saberia que está trocando uma coisa pela outra. Quem sabe quando partirmos para a tirar a chupeta noturna a gente não use essa idéia?
      x

      Reply
  • Gisele Perli
    April 30, 2013 at 10:00 pm

    Eu não queria ser você nesse momento, rs também cederia fácil…. kkk

    Reply
  • Andreza Hana
    May 3, 2013 at 5:23 pm

    Nossa Nivea, nao e mesmo facil tirar a chupeta, mas com mto esforco vc vai conseguir. Vai distraindo esse ruivinho astucioso com brincadeiras, passeios, historinhas, desenhos animados, comidinhas e qdo vc ver ele ja abandonou a chupeta. Eu tbm ficava com o coracao na mao qdo meu filho, hj com 15 anos, chorava durante a noite querendo a bendita chupeta, mas fui forte e ele acabou acostumando. Eu comecei tirando a chupeta noturna e distrai mto meu filho durante o dia ate que ele mesmo com as proprias maozinhas jogou a pepeta no lixo 🙂 vai dar tudo certo vc ver.

    bjiimm e otimo final de semana

    http://meuamorpaquistanes.blogspot.ie/

    Reply
  • Andreza Hana
    May 7, 2013 at 11:24 pm

    Pois e menina, eu tenho um filho de 15 anos que fara 16 em agosto 😀 to ficando velhinha hehehe. Agora, depois de tantos anos ser mae de novo assusta um pouco, ou melhor mto hehe. bjiimm

    Reply

Leave a Reply