Meu babóg Pretensões e Desabafos

Bate palminha, bate

Há menos de um mês para a grande data, meu filho E., ainda não sabe bater palmas.

Não pense você que ele não tem sido torturado estimulado! Começamos o treinamento intensivo ainda no Brasil. Desde então, diariamente (e várias vezes ao dia), eu canto parabéns para você na frente dele, segurando as mãozinhas dele, com as mãos dele entre as minhas. Além disso, toda vez que a gente termina uma estória, “a gente” bate palma. Bate palma para música, quando ele sorri, bate palma quando o papai chega, ao final do banho, depois de trocar a fralda, quando ele me deixa colocar as meias (esse merece aplauso mesmo), na hora do almoço, quando a gente volta da rua, quando tem danoninho para a sobremesa. Tu-do é motivo de comemoração aqui em casa, com bateção de palma. Às vezes eu penso que ele deve achar que eu sou muito feliz, ou retardada.

Mas ele não aprende.

Aprender a abrir os armários da cozinha, ele aprendeu. Aprender a abrir as gavetas da cômoda (e jogar tudo no chão), aprendeu. Aprendeu a tirar as meias e a calça. Aprendeu a me dar abraços quando eu digo “não”. Aprendeu a escalar a lareira. Aprendeu a ficar em pé no berço quando não quer dormir. Aprendeu a limpar o nariz sujo de catarro na minha calça. Tudo que não deve, ele aprende.

Vai completar seu primeiro aniversário (com uma festinha toda feita pela mamãe) e vai me dar esse desgosto. Provavelmente o primeiro desgosto que ele me dá nessa vida.

Que tristeza, que amargura no peito, que decepção. Bem que me disseram que a vida de mãe não era fácil.

Agora não sei se procuro uns tutorias para ele assistir no YouTube ou se apelo para a chantagem dizendo que não vai ter festa p@&^%% nenhuma se ele não bater palmas.

N.

29 Comments

39 anos; brasileira que mora na Irlanda; mãe de um filhote de irlandês do cabelo vermelho e muito fogo na bunda, de uma pimentinha de olhos grandes e curiosos e de uma caçulinha que é só sorrisos.

Previous Post
March 16, 2012
Next Post
March 16, 2012

29 Comments

  • Ingrid Gomes

    HAHAHAHHA faz assim, coloca uns videos no youtube de bebes batendo palmas, quem sabe ele resolve copiar, não sei se vc lembra do video dos gemeos “conversando”, um “tá, tá, tá…” eterno, pois cada vez que o Pok via ele repetia e caia na risada.

    Se não funcionar tenta a chantagem, de repente né… haha

    Beijocas

    PS:Todos os armários dessa casa tem aquela bendita trava da Ikea e o único motivo pelo qual não tenho vontade nenhuma de comprar artigos de decoração e até mesmo móveis, é justamente porque não quero acabar com essa paz que é um Pokbunny num apto praticamente vazio! hahaha

    • Nivea Sorensen

      Ingrid,
      Coloquei as travas só nos armários onde guardo produtos de limpeza. Os outros por enquanto estão disponíveis, vamos ver por quanto tempo.
      Vou apelar para a chantagem mesmo. haha
      Beijos

  • Ka Cintas

    Rsss

    Uma hora ele aprende! fica sussa!!

    Melhor não bater palma do que bater no bolo no meio do parabens como meu afilhado!!! rsrs

    bjus!

  • Karen

    Hahahaha! Adorei 😉
    Vou perguntar se a Helena escreve um tutorial e manda para ele, já que, como bebê modelo, ela aprendeu a bater palmas antes do dia da festa e inclusive bateu palmas durante o parabéns rsrsrsrsrs

    Mas olhe o lado “B”: ela também aprendeu a puxar o rabo do gato da minha mãe um dia antes da festa, levou um monte de arranhões e ficará para sempre com a foto da testa arranhada, bem no dia do aniversário de um ano 🙁

    Beijo,
    Karen
    http://multiplicado-por-dois.blogspot.com/

  • Priscila Santos

    Nivs, os bebes são assim mesmo…..a Mari em seu primeiro aniversario ate ja sabia bater palmas, mas não fez uma vez sequer na hora de seu parabens!!!!!
    Fique tranquila….ele não vai decepcionar vc…….rsrsrs
    beijos

  • Carol

    olha querida, meu filho até aprendeu a bater palmas (é um mes mais novo que o seu), mas só o faz quando quer (aka qdo eu digo nao, aka qdo está prestes a dormir, aka quando nao tem ninguem olhando). Mesma coisa pra dar tchauzinho com a mao. Saber ele sabe, mas só dá tchau pros Backyardigans ou pro Mickey. Enquanto isso, a mae aqui fica sacodindo as pelancas insandecidamente, desesperada por alguma resposta.

    Nada.

    Oooo desgosto.

    • Nivea Sorensen

      Carol,
      Vida de mãe de menino é uma coisa, né?
      E. também não dá tchau, manda beijo, ou coisa parecida.
      Um beijo

  • Celi

    Hahahahaha só vc Nivea. Adorei! Quem sabe ele não faz uma surpresa para vc. Afinal, faltam algumas semanas para o aniversário dele. E os preparativos, como estão? Conta, vai!
    Beijos

    • Nivea Sorensen

      Ah, Celi… vai ser uma festinha pequena, mas estamos quase lá.
      Um beijo

  • Didi

    O Arthur começou a bater palmas há quase um mês e estamos a 8 dias do seu primeiro aninho. Faz, de vez em nunca, o número um com o dedinho mostrando o aniversário. Tem dia que faz a cada minuto, tem dia que não faz nem sob tortura.
    Insista. Vale a pena. Mas não bate a palminha com as mão dele não. Insista em bater você a sua e pedir a dele com pedidos de faz, faz, faz.

  • Jamile

    Tadico, treinamento intensivo… como eu não tenho filhos (ainda) conto causos dos filhos alheios, pois o filho da minha prima bateu palmas depois dos parabéns, ainda deu tempo para fotos. Resta uma esperança!bjo

  • mari mari

    Nao se desespere, não veja isso como desgaste. Depois de um post tao sincero, tao bonito, tao real ali no minha mae que disse, vai se abalar porque a criatura nao sabe bater palma? nao lembro se os meus sabiam quando fizeram um ano, mas posso dizer que crianca nenhuma bate palma na festa de um ano porque… a festa de um ano é ASSUSTADORA! um monte de gente junto, um monte de decoracao, gente gritando PARABENS PRA VOCE…. Se o marcel nao chorar, já ta de bom tamanho!

    mudando de assunto: por um acaso voce é sorocabana e tem um irmao chamado Renato?

    • Nivea Sorensen

      Mari Mari…
      Olha eu sou o exagero em forma de mãe (mas no fundo estou brincando quanto ao drama), você vai reparar.
      Sou de Sorocaba não, nem tenho irmão.
      Beijos

  • ka smith

    Ele sabe sorrir e é isso que importa amigakititi 🙂

  • Fernanda Lima

    Eu acho que quando todo mundo começar a bater palmas na frente dele na hora do parabéns, ele entra na dança. Tomara! Mas ainda assim o comentario aqui de cima é o mais verdadeiro 😀

  • Carol

    Nivea, a minha fofucha tem 9 meses e eu vivia ensinando ela a bater palmas sem sucesso desde o 7º mês (precipitada….). Até que um dia, do nada, ela começou a bater palmas. Crianças são assim: da noite pro dia acontece um milagre e elas nos surpreendem. Em compensação, não tem quem faça ela engatinhar. Só fica de quatro e balança pra frente e pra trás.
    Beijo.

    • Nivea Sorensen

      Carol,
      E. engatinha desde os 7. Fez tudo antes do tempo, rolou, sentou, engatinhou. Mas nada de bater palmas.
      Um beijo

  • Mariana Klem

    Adorei o seu post Nivea, muito bem humorado! Estou na mesma situação que você nesse exato momento, meu filho completou 11 meses agora e faz todo tipo de arte, abre as portas dos armários, as gavetas, já está até dando uns passinhos sem apoio, mas bater palminha nada…hehehe
    Eu faço de tudo, estimulo todos os dias, bato palmas para tudo o que ele faz e nada! Ele fica me olhando com aquela carinha de que não está nem um pouco interessado e eu fico com cara de palhaça 😉
    Também queria muito que ele batesse palmas no dia da festinha de aniversário que eu estou preparando com todo carinho, mas acho que não vai rolar….

  • Va

    a minha vai completar 9 meses essa semana, ela não engatinha, não bate palmas, e não é falta de estímulo… não sei mais o que fazer!!!!

    • Nivea Sorensen

      Va, não faça nada! Dê o tempo que ela precisa, nem todo bebê é igual x

  • Aline

    Olá querida! A busca no Google teve a seguinte entrada ” bebê de quase um ano que não bate palmas” e eis me aqui direcionada por uma maratona ansiosa no buscador. E aí lendo os comments percebo que meu bebê não é o único a não dar tchau, não bater palmas e não jogar beijo, mas que em contrapartida abre gavetas, anda, mexe em tudo e se solta do bebê conforto. Vi que o POST e antigo então me fala como foi o desenvolvimento do seu E. Por favor !! Bjus, adorei seu texto.

Leave a Reply

Related Posts