Blog

O que eu ganho com isso?

Eu venho aqui quase que diariamente. Conto minha vida. Reclamo e choro sobre o leite derramado. Mostro fotos da minha família. Escrevo quase que um diário público.

Se tenho medo do que algúem possa fazer mau uso de toda essa informação, talvez. No fundo acho que não. Pode ser ingenuidade, mas para ser honesta, eu nem sei fazer de outro jeito. Não sei escrever sobre outra coisa que não seja a minha vida. E nem sei viver sem escrever.

E nem que soubesse, não é o que eu quero fazer.

Além disso, até hoje, o número de pessoas incríveis que eu conheci através do blog supera e muito (imagina muito? muito mesmo)  o número de weirdos por aí.

Quer exemplo? Olha só M. com o meu babóg:

M., deixou um comentário aqui uma vez, e muito fofa me contou que estava vindo para a Irlanda e queria saber se eu precisava de alguma coisa do Brasil. Agradeci, mas na verdade não precisava de nada mesmo. Ainda assim M. trouxe um presentinho para o E., uma girafa de pelúcia, que ela me entregou quase no final da minha gravidez. Soltou ainda a quase profecia, de que o meu babóg seria rosinha e cheio das bochechas.

Dia desses ela veio finalmente visitar E., trouxe presentes para mim (um excesso de fofura) e trouxe para ele sabe o que? Olha só:

As toalhinhas sobre as quais eu falei aqui.

Isso para não falar da V., que me mandou vários presentinhos diretamente do Brasil quando minha irmã veio aqui nos visitar.

E sem nem contar que as duas melhores amigas em Dublin eu só conheci por causa do blog. Considerando-se o números de pessoas que se sentem sozinhas e isoladas num país estrangeiro eu não posso negar que ter vocês na minha vida, faz com que ela seja muito melhor.

Então que ter um blog desse estilo pode não ser a coisa mais segura a se fazer em tempos de Big Brother digital. Então que dinheiro também não dá. Então que toma tempo, tempo que nem sempre eu tenho.

Mas e quem liga? Eu não.

N.

23 Comments

38 anos; brasileira que mora na Irlanda; mãe de um filhote de irlandês do cabelo vermelho e muito fogo na bunda, de uma pimentinha de olhos grandes e curiosos e de uma caçulinha que é só sorrisos.

Previous Post
September 8, 2011
Next Post
September 8, 2011

23 Comments

  • Mi.

    Ni, acredita que NUNCA vi essa tal toalhinha? Pra mim eh novidade! Mas concordo com voce, apesar do medo da exposicao, o blog sempre trouxe so coisas boas 🙂

    Bjs.

    • Nivea Sorensen

      Amiga querida,
      Não fossem os blogs a gente nem se conheceria, né? Eu não teria deixado meu chefe feliz da vida com a substituta perfeita, nossos maridos não seriam melhores amigos na ressaca. Olha só quanta coisa não teria acontecido…
      Beijos

  • IngridSouza

    Ahh eu sempre curti ter blog e com o tempo fui aprendendo oque era legal e oque não era legal dividir, ainda me exponho bastante, inclusive em fotos e as vezes me chateio em ver um post com mais de 300 acessos e nada de comentários, mas a vida segue e o blog vale muito pelos bons frutos que colhi em forma de amigos queridos. =)

    Beijocas

    • Nivea Sorensen

      Ingrid,
      Você também é uma amiga querida, que eu ganhei por aqui sem nunca ter visto pessoalmente.
      Eu não sei se seleciono o que é legal ou não de dividir. Quanto ao número de comentários, eles são mesmo muito menores do que o de acessos. Nem todo mundo comenta, né? Mas eu ainda prefiro que as pessoas visitem mesmo assim, apesar de adorar os comentários.
      Beijos

  • Mari

    Ai que delícia esse babog! Só de ver a foto dá vontade de ir correndo aí apertar essas bochechas rosas! Hahaha…
    Eu sei que já disse isso, mas que bom poder compartilhar tudo isso com você!
    Ah, e agora minha mãe tá vindo do Brasil. Alguma encomenda? Hahaha
    Um beijão grande. Nos dois.

    • Nivea Sorensen

      Mari,
      haha não preciso de nada, não. Mas tem que trazer sua mãe aqui pra eu conhecer!!
      Ah, e tem que voltar antes para comer meu bolo. Não esqueci não, assim que eu fizer vou te chamar.
      Beijos

      • Mari

        Combinadíssimo (as duas coisas)!
        Beijão!

  • Priscila Santos

    É Nivs, a gente não se conheceu pelo blog, mas confesso que me sinto mais perto por estar lendo sempre…….
    beijos e saudades…..

    • Nivea Sorensen

      Pri, sem o blog acho que nem manteríamos mais contato, né? Você é visita por aqui sempre que eu sei, e nem tenho como agradecer.
      Um beijo

  • Celi

    Certíssima Nivea. A gente acaba fazendo parte de um mundo virtual, no qual passamos a ter várias amigas virtuais. É tão boa essa troca. Adoro ler os seus posts e também comentar…rs
    E olha só como a gente conhece as pessoas, passa praticamente a fazer parte da vida delas e elas da nossa… Não é mesmo? Nem que seja a distância.
    Um beijo.

    • Nivea Sorensen

      Concordo com tudo, Celi.
      Um beijo e obrigada sempre por vir aqui, pelos comentários, pelo carinho.

  • Karina M.

    Ní,

    Graças ao blog do nosso amigo Ernani eu conheci o seu blog.
    E me sinto sortuda de ter conhecido , mesmo que virtualmente, uma pessoa tão querida e especial como você!
    Te adoro, menina!

    Beijos

    • Nivea Sorensen

      Ka,
      Muito obrigada. Você é uma dessas queridas que o blog me permitiu conhecer, mesmo que virtualmente.
      Um beijo

  • Ana

    Pô, puta falta de sacanagem, tinha escrito um comentário enorme, fui logar com a conta do Google e sumiu. XD

    Também conheci muita gente bacana por causa do blog – pessoal e virtualmente. Acho que esse tipo de blog, que parece um diário, acaba aproximando as pessoas. E, pelo menos a mim, me faz pensar muito, sobre os diferentes pontos de vista que o mundo tem. Eu acho bacana saber que do outro lado da tela tem gente que se importa, mesmo nunca tendo te visto antes.

    E boa sorte no sorteio, vou ficar feliz se você ganhar 😉

    xx

    • Nivea Sorensen

      Obrigada, Ana.
      Dá uma raiva quando você perde o que tinha digitado, né?
      Beijos

  • Priscila

    Concordo com vc, a vida aqui na Irlanda e um pouco solitaria e a internet ajuda muitoooooooooo a se socializar e a conhecer novas pessoas! Eu tambem conheci primeiro o seu blog e depois vc, pessoalmente 🙂
    beijao

    • Nivea Sorensen

      Verdade, né Priscila?
      Olha aí quanta gente legal eu conheci.
      Um beijo para você

  • ka smith

    Amiga eu sou uma das suas melhores amigas aqui na Irlanda, né?
    Porque poxa, sou ciumenta e tals….hahahaha
    Mas é verdade, amo meu blog e todas as pessoas que conheci com ele, até os freaks que fazem a gente andar pra frente! hahahha

    beijooooo

  • Cintia

    Gente, que vontade de apertar teu babog!
    O blog alimenta a vida, ne… ainda mais a gente que mora longe da familia, dos amigos… a gente precisa conversar, ne? Pessoalmente ou virtualmente. Eh o maior bate-papo do mundo isso aqui. E eu adoro te “ouvir”.

    • Nivea Sorensen

      Obrigada. Cintia.
      Muito bom ler sempre seus comentários por aqui.
      Beijos

  • Danielle

    Nivea (sem acento no “i”), olá!
    Eu me chamo Danielle (e com esses dois L’s no meu nome, acredite, sei como é chato quando escrevem errado) e moro em Curitiba.

    Pode ser curioso eu aparecer justamente em um post do ano passado, né? Espero que recebas alertas no e-mail, senão vou precisar esperar que releias o blog para que esbarres com o comentário!

    Mas é porque eu descobri seu blog recentemente e me encantei tanto – com a prosa, com o filho lindo, com o forma de escrever – que fui lendo e lendo mais. Acabei chegando neste post, com o qual me identifiquei. “Conhecer pessoas pelo blog” – decidi me apresentar.

    Não é como se fôssemos exatamente nos conhecer (quem sabe algum dia, né?), mas, ainda assim, considerando que recebo uma grande dose de sua atenção (quando escreves no blog), é importante que saibas que é muito bom poder ler sobre sua rotina, sobre o filho, o casamento, a vida em outro país, sobre tortas bolos e receitas – com tanto carinho.
    E acho mesmo que a dedicação ao blog é algo muito legal – obrigada por continuares escrevendo e dividindo o cotidiano com a gente!

    Abraços,
    Dani

    • Nivea Sorensen

      Oi Danielle, com dois L’s!
      Que delicia de comentário! De verdade. Recebi o comunicado por email (mesmo porque sendo o primeiro comentário só aparece com a minha aprovação) e fez meu dia (que anda meio xoxo porque eu estou doente) muito mais feliz.
      Espero que você continue lendo.
      Um beijo

Leave a Reply